Alagoas: médicos credenciados ao SUS paralisam atividades

 

A partir desta segunda-feira, 19, os cerca de 300 médicos credenciados ao Sistema Único de Saúde (SUS) de Alagoas paralisam as atividades em todo o Estado. A categoria só atenderá a população nos casos de urgência e emergência. A greve foi definida no último dia 15, durante assembléia geral organizada pelo Sindicato dos Médicos.   O presidente da entidade, Wellington Galvão, explica, em entrevista à jornalista Denise Teixeira, que os médicos querem o reajuste da tabela de procedimentos do SUS, defasada há 12 anos.   Fonte: Portal Fenam – 19/01/2009