Médicos de Divinópolis rumo à campanha salarial

30/01/2008

A defasagem salarial dos médicos da rede municipal de Divinópolis em relação aos médicos da Prefeitura de Belo Horizonte chega a 60%, segundo o delegado sindical Alberto Gigante. Em sua avaliação, a baixa remuneração é um dos motivos responsáveis pela falta de médicos nos Centros de Saúde, Policlínicas e no Pronto do Socorro.

Na busca por melhores salários e condições adequadas de trabalho aos profissionais, o Sindicato dos Médicos de Minas Gerais – Sinmed-MG vai dar início à Campanha 2008 no dia 14 de fevereiro, quinta-feira, às 19, no Hospital São Judas Tadeu - à rua Coronel João Notini, 150 – 6º andar – Centro -, quando serão discutidas as ações e estratégias de reivindicação.

A mobilização é o mais importante e eficaz instrumento de negociação junto aos gestores. O sucesso da campanha depende da sua participação. Compareça e chame os colegas.

Mais informações: (31) 3241-2811.